CM Tecnologia / Jornada do Paciente  / Conheça agora as 20 melhores tecnologias para hospitais

Conheça agora as 20 melhores tecnologias para hospitais

O uso de tecnologias para hospitais é uma tendência crescente. Seja para melhorar a experiência dos pacientes dentro das instituições ou organizar processos, as inovações são o futuro da saúde.

Não é possível avançar sem que haja investimento em modernização. Nesse contexto, até a administração hospitalar é beneficiada com a adoção de sistemas de gestão e softwares que otimizam processos.

No setor da saúde, as inovações têm a função de melhorar a vida das pessoas. Assim, possibilitam digitalizar processos, incrementar a cultura organizacional e a aumentar o nível do acolhimento.

As tecnologias vestíveis (ou wearables), por exemplo, permitem acompanhar os pacientes a distância e antecipar intercorrências nos tratamentos. E, a tecnologia da informação otimiza processos, melhorando o uso do tempo dos colaboradores e reduzindo custos.

Isso é possível por uma relação de causa e efeito, que alinha setores e fornece métricas. Um dos efeitos desta adoção é que os recursos de conectividade deixam a instituição mais perto de conquistar certificações de qualidade.

Vantagens do uso de tecnologias para hospitais

Existe um movimento mundial de automação da indústria hospitalar. Os recursos transformam o mercado da saúde são um grande diferencial competitivo.

Além disso, contribuem para redução de custos, segurança de dados, criação de indicadores e auxilia no crescimento, como pode ser visto a seguir:

Redução de custos

Mesmo que o investimento em tecnologia seja alto, ele é recompensado a longo prazo. Essencial para reduzir custos em diferentes áreas, existem inovações que reduzem o desperdício de insumos ou substituem atividades manuais.

A automação de marcações de consultas otimiza o tempo dos colaboradores. Com isso, contribui para a redução das despesas operacionais, não sendo necessário ficar ligando para confirmar consultas e exames.

Ao armazenar dados digitalmente, há a economia de espaço e diminuição de gastos com papel.

Segurança de dados

A segurança das informações é fundamental para o bom funcionamento das unidades de saúde. E, afeta diretamente a qualidade do serviço prestado, a gestão hospitalar e a satisfação dos pacientes.

A praticidade de um bom sistema de gestão faz com que todas as informações fiquem centralizadas em um único local. Assim, é mais fácil administrar e manter a segurança, por meio de backups e criptografia.

Criação de indicadores

As tecnologias permitem o gerenciamento de estatísticas. Tudo é feito de acordo com os dados registrados nos programas, viabilizando a criação de indicadores.

Com isso, os gestores podem fazer planejamentos estratégicos, estimar investimentos e precificar corretamente os serviços. Sendo possível, também, agir com mais rapidez para corrigir falhas e resolver problemas.

Auxílio no crescimento

Com a grande concorrência que existe no setor, a satisfação dos pacientes é determinante para que uma instituição se destaque. A adoção de programas e maquinários, além de melhorar o tratamento de doenças, ajuda na excelência do atendimento.

Consequentemente, isso reflete no modo como a empresa é vista no mercado. Portanto, quanto mais equipado tecnologicamente o hospital está, melhor será a sua gestão e o fortalecimento da imagem da instituição. E, o crescimento e amadurecimento da entidade implica em diferenciais competitivos.

Por todos esses fatores, é preciso repensar a automatização, a atualização dos processos e a racionalização de plataformas.

Baixe o e-book sobre tecnologias para hospitais e conheça as soluções disponíveis que melhor se adaptam às demandas do mercado e impulsionam o crescimento das instituições de saúde.

Sem comentários
Postar um comentário